quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Las Perdices Gran Reserva Don Juan 2011


A vinícola é um empreendimento familiar desenvolvido pelo casal Dom Juan Muñoz López e Dona Rosario, além  de seus filhos Nicolás, Estela e Carlos.


 A paixão pela atividade da vinícola e o desafio de fazer vinhos finos de videiras próprias animou-lhes a empreender este projeto em 1952, quando a família imigrou para Argentina e  deixou a Andaluzía, no sul da Espanha.



País: Argentina
Região: Agrelo, Luján de Cuyo - Mendoza
Vinícola: Las Perdices
Uva: 70% Malbec, 11% Syrah, 10% Bonarda e 9% Merlot.
Tipo: 3- Tinto.
Produção: 10 mil garrafas.


Amadurecimento: 18 meses me carvalho francês e americano.
Estimativa de Guarda: Até 15 anos.
Teor alcoólico: 15%.


Opinião TudoVinho: Mais do mesmo... vale muito a pena! 
70% malbec, 11% syrah, 10% Bonarda e 9% Merlot. 18 meses Carvalho Francês novo. Rubi profundo, ameixa forte, bom chocolate, entre as especiarias nota-se Pimenta e reflexos doces. Madeira agradável. 
Bom vinho, apesar de mais barato, é tão bom quanto o Tinamu, o rótulo superior a esse da bodega (nós achamos).
Visual: Rubi com reflexos violáceos.

Olfativo: Intenso, frutas vermelhas, com notas de especiarias, pimenta, chocolate e baunilha.

Gustativo: Em boca é estruturado, equilibrado, taninos maduros, notas de frutas vermelhas e especiarias.

















Harmonização: Sozinho! O distribuidor sugere medalhão de filé mignon, risoto de funghi, ravióli ao molho branco com parmesão gratinado e ossobuco com polenta.
Sugere-se decantar por, pelo menos, 30 minutos. Servir de 16°C a 18°C.


Colheita manual seletiva realizada nas primeiras duas semanas de abril. Produção limitada de 10.000 garrafas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário